sexta-feira, novembro 17, 2017

Natal na Disney


Fica lindíssimo o Wilderness Lodge decorado para o Natal



Assim de repente conto que já fui à Disney umas cinco vezes. Duas a Orlando e as restantes a Paris. Fomos sempre na mesma altura, sempre em Junho e Julho, nunca estive na Disney no Natal, e deve ser muito giro. Acredito que seja ainda mais encantador e que se respire uma magia maior. As árvores de Natal com luzes e decorações natalícias deve ser de sonho.

Um dia destes quem sabe ...


Maggie

eu adoro ponchos





Lanidor

e este ano ainda não os tinha visto. Nem às capas.

Bom dia



Maggie

quinta-feira, novembro 16, 2017

foi autorizada a primeira barriga de aluguer em Portugal


E ao mesmo tempo a quantidade de gente inculta, mesquinha e de má índole decidiu que era uma altura boa para aparecer. E comentam a noticia. Podemos concordar ou discordar mas manter o respeito pelos outros, manter a educação e tentar não magoar quem já está fragilizado parece-me o básico. Triste povo este a quem é dada a palavra mas não sabe o que está em cima da mesa! Nem quer saber, aproveita-se o espaço para atirar pedras e mostrar que nem todos estão á altura desta discussão. O mais assustador: mulheres, muitas mulheres que não se metem no lugar das outras. Mulheres que deviam apoiar-se são as primeiras a atirar farpas e a colocar um tom arrogante.
Já li de tudo, desde ordinarices várias a ideias distorcidas do que é "emprestar o útero"a quem não o tem e quer ter filhos. É triste, espero que os futuros pais e mães de aluguer portugueses não leiam.

Quando são sabemos do que se trata informamo-nos primeiro, pode ser?

Boa tarde


Maggie


dos desabafos e dos queixumes

Ouço tanto queixume de mães, queixam-se muito. Nem sempre têm razão.
Queixumes de quem passa fins de semana, férias e feriados longe dos filhos porque segundo dizem: precisam de descansar! e têm quem fique com eles de bom grado.
Ouço tanto queixume de mães que, vai se a ver até têm uma mãe que lhes passa a roupa a ferro. e que fica com as crianças doentes para que não faltem ao trabalho.
E ouço queixumes de mães que, afinal até têm uma sogra que paga a alguém a limpeza lá de casa.
Queixumes de mães que têm de trabalhar para logo a  seguir dizerem que não eram capazes de não trabalhar, ahahahahahahahahahah (esta mata-me)
Queixumes de que têm que fazer jantar, mas muitas vezes o almoço que os filhos levam para a escola no dia seguinte até foi a avó que fez. 
Queixumes de que o bebé não as deixa dormir.
Queixumes das doenças, dos piolhos e das vacinas.
Queixumes das maleitas delas também.
Queixumes deste tempo frio. E que estão fartas do tempo quente. 
Queixumes do cansaço e afinal dado o tempo passado na Internet, o que não lhes falta é tempo livre.
Queixumes do patrão, do salário e do horário, mas não fazem nada para mudar, para melhorar.
(é preciso paciência para ouvir os queixumes, ás vezes parece um jogo: vamos lá ver qual é a mãe que se queixa mais hoje)

A mim, que ouço os queixumes de fora parece-me que mãe que não se queixe não é Mãe! 
Anda perto mas não é Mãe!



Maggie



só para dizer que estou à espera dos dias especiais da Muu

(Muu)


Preciso mesmo de uma mala mais invernal, ainda ando com a Muu laranja que é tão Verão ...



Maggie