quarta-feira, dezembro 11, 2013

e agora faço o quê?


A meio da semana encontro-me baralhada e não sei que caminho escolher.
Acho que vou em frente e sozinha apesar da turbulência e de tanta nuvem.

A minha Micas veio com a conversa de que é feia, que disparate disse-lhe eu e ainda perguntei quem lhe tinha dito isso, respondeu que ninguém, que se vê ao espelho e sabe que é feia, (ainda falta mais de um mês para fazer 8 anos).


Até já

Maggie

7 comentários:

ana disse...

Não te preocupes com a Micas, a minha B. tb é muito dada a essas coisas...que é feia, que é gorda...é preciso uma paciência enorme! Já a M. não tem essas questões existenciais!
Quanto ao resto, espero que tudo corre, seja o que for. E tenta não ir muito atrás da tua veia melodramática (bonequinho a piscar o olho) :-)

Paula disse...

Tadita da miúda... Não é nada feia! Acho que deves estar atenta mas sem dramatizar. Se achares que precisa de ajuda especializada procura um psicólogo.

Quanto ao resto. Que tudo corra pelo melhor...

Bjs

Mary disse...

As crianças também podem sentir falta de auto-estima e preocuparem-se com a sua imagem! É normalissimo e não deve ser desprezado. E tentar perceber porque é que se acha feia? O que não gosta nela quando se olha ao espelho? Que tal uma ida ao cabeleireiro com a mãe?!

Maggie disse...

é isso mesmo Mary ela tem baixa autoestima, se calhar com a minha colaboração que sou exigente com ela como não sou com a irmã. Na verdade acho até que ela tem uma cara bem mais bonita do que a irmã, que é mais divertida e gira e por isso acaba por ser mais cativante aos olhos dos outros.
Vou apostar em elogiá-la mais,

Bjos

Maggie

Bonitinha disse...

Maggie, desde pequena, talvez com uns cinco anos, tinha a mania de repetir sempre o mesmo: "sou feia, não devia ter nascido". Sempre me achei feia, até quando de fato era jeitosa e magrinha (antes de engravidar). Hoje acho-me bonita mesmo com os quilos a mais, embora não tenha desistido de perdê-los.
Não sei se é comum, mas é bom estar de olho, ah e a minha mãe sempre foi muito exigente comigo, quase nunca me elogiava...
beijinhos

Maggie disse...

acho que sim nyne deve ser mesmo fraca auto estima, a madalena sabe que foi muito desejada tanto que foi feita por encomenda mas a verdade é que sou tão exigente que elogio muito pouco. vou tentar elogiar mais a ver se noto diferenças.
obrigada

mil beijinhos

maggie

p* disse...

Eu estou de fora e calculo que as pessoas digam à irmã que é muito gira e a ela nada...deviam ter mais tacto mas não têm. Tens que combater e dizer lhe muitas vezes como é gira, palavras de mãe valem mais! ;) Estou a dizer isto porque aconteceu o mesmo comigo e com a minha irmã (que é super gira mas toda a gente referia-se sempre só a mim, indecentes!). Mas há solução! :)