terça-feira, dezembro 03, 2013

Maggie, e o que queres tu de presente de Natal?

Eu podia dizer que não quero nada, ou melhor podia vir aqui apenas desejar o fim da fome e a paz no Mundo, seria bonito e até encantador. Acontece que não nasci para Miss muito menos para ser hipócrita, sou uma mulher, sou humana e por isso haverá certamente alguma coisa que me fará um nadinha mais feliz. Não sei o quê, não estou a ver assim nada que me encantasse mas haverá certamente.  Na verdade não preciso assim de nada em especial, na realidade não há assim nada que ambicione, ou melhor, o que eu poderia ambicionar é impossível de alcançar neste momento, daí sobram os desejos mais terrenos, aqueles que podemos na realidade satisfazer. Para ser sincera não quero nada para a casa, a minha casa já é suficientemente maravilhosa para desejar alguma mudança, as minhas pequenas também têm tudo e mais um par de botas, também não há nada que desejasse para elas. Então sobro eu a Maggie, e para a Maggie qualquer perfume, qualquer livro, qualquer creme, qualquer coisa é bem vinda desde que dada com o coração, desde que alguém tenha perdido 2 minutos a pensar em mim.

Beijinho e um feliz Natal

Maggie

Sem comentários: