quarta-feira, janeiro 29, 2014

a idade tem destas coisas, quando se pode escolher, claro!

Sempre tive a mania de que me aguento, de que sou forte, de que não preciso de mariquices, mas agora começo a achar que gosto delas, que não preciso é verdade mas que me sabem bem.
Quando tive as minhas filhas decidi que nasciam bem num hospital publico, e na verdade não me arrependo, mas era nova, para mim estava tudo bem desde que elas nascessem num lugar seguro. Para mim ter televisão no quarto, ou um quarto só para mim, ou ter quem me tratasse da criança enquanto lá estivesse, não era importante. Hoje penso diferente e já perto dos 40 (faltam 1 ano e 6 meses), dou por mim a achar que hoje não dispensaria o conforto que dispensei há anos. A idade torna-nos mais exigentes com as pequenas coisas, e o conforto é uma delas.
Hoje dou valor a coisas que não dei no passado, e como o tempo não volta para trás vou aproveitar agora as mordomias a que tenho direito e a deixar-me de simplicidades e de facilitismos.


Bom dia

Maggie

3 comentários:

Mary disse...

Eu também vou pelo conforto, o problema é quando as coisas correm menos bem, e criança tem de ter outro tipo de cuidados,as seguradoras a fugirem a sete pés destas situações, porque a situação da criança não está contemplada na apólice seguro.Por isso ainda se deve apostar público.

Sónia disse...

Isso é normal, com a idade vamos mudando e o conforto sabe sempre bem. E se podemos porque não???

Nany disse...

É absolutamente normal que assim seja, além disso hoje em dia estás mais bem informada do que estavas há uns anos atrás ou não é verdade? Com a informação e a vivência vem a exigência.
Bjs