terça-feira, julho 01, 2014

da amizade ao amor quantos passos damos ?


Ontem ao ouvir a Marta falar sobre o marido e a dizer que antes do namoro foram amigos, fiquei a pensar. Comigo não aconteceu assim. Eu nunca fui amiga do meu marido antes de termos alguma coisa um com o outro. Eu olhava para ele e sabia o que queria, não havia duvidas mas nunca chegámos a ser amigos antes, as poucas vezes que saímos juntos nunca foi só por amizade, gostávamos um do outro e ponto. E fiquei a remoer, será preciso ser amigo antes para se continuar amigo depois? 
Eu gosto de tudo bem definido, papeis são papeis e cada um cumpre o seu. Não sou adepta do:" sou a melhor amiga das minhas filhas, sou a confidente da minha mãe, sou a melhor amiga do meu marido e a pessoa mais amiga do meu pai", não sou! Em todos os papeis que me cabem, seja de mãe, filha, mulher, tia, neta há sempre uma dose certa de amizade claro, não se gosta a sério de alguém senão formos presentes, senão soubermos quem são as pessoas, senão tivermos carinho por elas mas não vejo necessidade de ouvir todas as confidencias dos outros. Eu gosto de espaço. Espero que as minhas filhas tenham sempre muitas amigas para trocarem segredinhos, que o meu marido tenha sempre um amigo para tomar um copo, e eu espero ter sempre alguma amiga pronta para almoçar comigo e passar horas a deitar conversa fora. Se sou amiga do meu marido? claro que sou como ele é meu, mas não preciso de lhe contar tudo, tudo, tudo. Não preciso de o maçar com conversa de trapos, sapatos, escolas, e crianças e ele também tem o dever de me poupar aos jogos do mundial, e a outras coisas que não me entusiasmam. Se posso contar com ele? posso, sempre pude. Sempre que precisei ele estava lá a dar-me a mão mas isto não implica que ele saiba com quem eu namorei aos 12 e aos 13 anos, com que idade me veio o período nem de que marca foi o meu primeiro soutien. Não implica que saiba com quem passei férias no final do 9º ano, não implica que tenha que saber quem era o meu ex namorado e porque acabámos. Se calhar em conversa não há assuntos reservados mas há coisas que só nos interessam a nós, coisas que gostamos de guardar para "trocar como cromos" com as amigas. Tivemos vidas antes de estarmos juntos, tivemos amigos, tivemos namorados, chorámos e fomos felizes, só isso importa. Não vejo interesse em dissecar tudo, não vejo necessidade de chafurdar em gavetas mais do que arrumadas. A isto chama-se confiança, e não há amor nem amizade sem confiança.
Não, realmente nunca fomos amigos antes, mas temos sabido ser amigos durante estes anos todos e para mim isso é que importa.


Maggie

4 comentários:

Anónimo disse...

O meu melhor amigo é o meu marido!! Amor é amizade ardente...disso n tenho nenhuma duvida.. e amizade genuina como eu sinto pelo meu marido não sinto por mais ninguem q n seja da minha familia, nao por preconceito mas pq dedico-me à minha familia que é muito grande e n há tempo para mais

Bonitinha disse...

Hoje concordo com a anônima Maggie! Não leva a mal, mas é que fomos (e somos) muito sozinhos, o Fernando foi muito sozinho durante mais de dez anos, daqueles tipo ermitão mesmo e até acho saudável que a gente converse sobre tudo, sobre o passado, sobre os nossos sonhos, etc. Eu gosto disto, e posso dizer com certeza que ele é o meu melhor amigo! :)
Beijinhos

Maggie F. disse...

Ohhh Nyne e eu lá ia levar a mal? a unica coisa que levo a mal são as faltas de educação e respeito.
Aqui em casa também somos amigos, não é isso que está em discussão, o que eu quis dizer foi que também precisamos de outros amigos, precisamos de chorar e de rir também com outras pessoas. Já vivi essa relação de casal sem mais ninguém e no meu caso fiquei "sufocada", acho importante ter outras pessoas na nossa vida. Isto não tira a amizade entre o casal, nem a confiança e nem a intimidade.
Bjos

Maggie

p* disse...

Como diz a música "lucky i´m in love with my best friend" :) E antes fomos amigos, sim, enquanto nos iamos conhecendo melhor... ;) O que não significa que saiba tudo sobre mim e que fale com ele sobre tudo!! Mas também não faço isso com as minhas melhores amigas, nem com as minhas irmãs, mãe,... Amigos, amigas, família, amor e amizade é para se viver não para se dissecar!... Que seca! :D