segunda-feira, março 16, 2015

e se no século passado eram os homens que enganavam as suas mulheres ...


Neste século são as mulheres que lhes passam a perna cá com uma pinta. E é vê-los com cara de parvos ainda sem perceber como é que ficaram para trás. E já não há cá filhos, nem "estabilidade" que sirvam como desculpa, avançam quando estão interessadas e ao contrário da maioria dos homens quando avançam é definitivo, não há volta a dar. Voltam a acreditar no amor com uma leveza que nem uma miúda de 15 anos tem. Tontas, serão tontas pela ingenuidade de acreditar outra vez no príncipe encantado, assim tão facilmente? ou não vale a pena viver se não tivermos sonhos? (ainda que tontos)

Boa noite


Maggie

4 comentários:

Nany disse...

E sim, vale a pena acreditar no amor, na felicidade, não serem ingénuas, mas dar uma nova oportunidade.
Só não acredito no passar a perna, faz-me lembrar chico espertice.
Bjs

martaaconversa disse...

A mim foi ao contrário: o homem passou-me a perna. E tive de voltar a acreditar no amor. Até porque não posso aceitar, para conseguir viver minimamente, que todas as pessoas do mundo sejam maldosas. A diferença está em acreditar no amor e não no príncipe encantado, certo?

Maggie F. disse...

A questão é: e volta-se logo a acreditar no amor? não há um tempo para nós, para fazer o luto de uma relação falhada? volta-se assim a acreditar tão facilmente?

Bjos

Uva Passa disse...

Eu acho que as mulheres são muito crentes em relação ao amor.
E fazem bem.