terça-feira, maio 26, 2015

as vidas cor de rosa que por aí andam ...


Ainda no seguimento do post anterior precisava mais uma vez de vir falar do que já falei milhares de vezes, dos blogs da moda. Daqueles blogs que publicam todos os dias, dias maravilhosos de sonho, festas e viagens, compras chiquérrimas e outfits impecáveis. Publicitam vidas cor de rosa, querem fazer crer que não têm uma unha encravada nem uma dor de dentes, que não gritam e que apesar de terem crianças pequenas as suas casas estão sempre imaculadamente brancas. Não tenho nada contra esses blogs atenção, tenho é contra as massas que os seguem, que não sabem distinguir um blog de uma família dita normal de um blog publicitário. Blogs que mostram um estilo de vida que não corresponde a realidade nenhuma, e as gentes que os seguem quase lhes prestam vassalagem. É Deus no céus e meia dúzia de bloggers na terra. Defendem-nos como não defendem ninguém e em consequência deitam abaixo todos os outros. Nada é tão bom, tão chique, tão fantástico, tão lindo … até um dia cair a máscara, sim que vai cair. 
Eu acho-os bonitos porque eu também gosto de blogs cor de rosa, mas não me deixo deslumbrar nem acredito em metade do que vejo. Não sou burra com palas nos olhos para dizer amén a tudo o que publicam, como vejo tanta mulher fazer(nisto as mulheres são umas tontas). Não entendo. Os blogs deveriam servir para entreter, para partilhar e não para criar fanáticas que seguem e querem tudo o que a blogger publicita, chega a roçar o ridículo de tanto exagero.
Há espaço para todas, há espaço para os blogs de gente dita normal e espaço para os blogs cor de rosa. Só uma coisa me faz espécie: afinal crescemos tanto, afinal hoje temos mais mulheres licenciadas do que alguma vez na história deste país, afinal são todas tão ocupadas, e modernas e continuamos as mesmas parolas que acreditam em vidas de sonho que ninguém tem, parolas que precisam "beber" todos os dias dessas vida de sonho como se fossem umas pobres infelizes, e sim se calhar são! 

Um beijinho


Maggie

2 comentários:

Nany disse...

No blog posso ter a vida que quero, posso passar a imagem que quero.
Mas um blog é uma janela pequena, minúscula da vida de alguém.
Bjs

p* disse...

Também não compreendo! Cambada de Marias vão com as outras/todas!