sexta-feira, maio 22, 2015

diz-se que aos 40 é que somos mesmo felizes (assegurou-me uma brasa de mulher o ano passado, também ela nos 40`s)

(Querido Aladino, grande génio da lâmpada mágica, quando eu crescer quero ser linda e maravilhosa como esta Mary, pode ser? não quero parecer abusada mas posso também ter o príncipe? )

e disse-me que eu ia dar-lhe razão. Que eu ia ver que sim, que é verdade. E não é que é mesmo? 
Os 40 anos chegam daqui a uns dias, e eu fico aqui á espera que á tal felicidade natural que vem com esta idade se juntem muitas outras felicidades, daquelas várias mais pequenas que tornam a grande felicidade cada vez maior. Esta coisa de nos sentirmos murchos não faz grande sentido, aliás não faz sentido nenhum. Falando por  mim, concretizei alguns sonhos que tinha, tenho uma vida para lá do que alguma vez sonhei, tenho saúde, amor (e para as minhas leitoras mais novas confirmo que sim, que o sexo aos 40 é bem melhor do que aos 20), família e amigos. Conheço-me, sei o que gosto em mim e o que não gosto e também sei que está na altura de arriscar. 

Bom dia


Maggie

1 comentário:

eu disse...

Excelente perspetiva sobre a vida! Felicidades!