segunda-feira, junho 15, 2015

a Maria é a mãe mais estilosa, está votado!

Há uma mãe na sala da minha filha mais velha que tem de longe uma graça especial. Nunca lhe tinha dito que a achava super gira e estilosa foi um dia destes, e o ar de espanto e de felicidade que ela fez? É que vamos lá ver, ela é muito engraçada e tem qualquer coisa de especial, acho-lhe imensa piada, duvido que outras mães não tenham já reparado que esta mãe é a mais engraçada (não desfazendo nas outras, claro). Infelizmente, nós portugueses protestamos muito mas elogiamos pouco e ela ficou tão feliz e admirada, enquanto que eu fui apenas sincera. Ela disse que ganhou o dia e eu acreditei claro, hoje em dia já não se elogia ninguém e devíamos fazê-lo sempre que seja verdadeiro e dito de coração. Tenho pena por ver que estes gestos se vão perdendo, que as pessoas só se mostrem fortes e seguras  e escondam o lado humilde e sincero que todos temos. O mundo seria um lugar melhor se todos fossemos um bocadinho mais sensíveis e menos egoístas. E afinal porque não elogiamos mais os outros? será por inveja, por mesquinhez, porque estamos de mal com a vida? ou estamos assim tão cheios de nós?

Boa noite


Maggie

6 comentários:

p* disse...

EU não elogio só por vergonha...tenho medo que me achem maluquinha por achar quem não conheço (ou não conheço muito bem) o máximo. E os que conheço não elogio as vezes que queria para não ser chata/repetitiva! É um disparate, eu sei...também gosto quando me elogiam, mas às vezes o lado racional pensa de forma disparatada. Vou tentar mudar! :D

Annabelle disse...

Olá Maggie :)
Gosto muito da cara nova do seu blog.
Também já tinha reparado que cá em Portugal as pessoas elogiam muito pouco. Não sei se por vergonha, má vontade ou inveja, mas é certo que não é hábito as pessoas elogiarem os outros. Eu quando não gosto de algo, não comento, porque gostos e cores não se discutem, isso é bem verdade. Mas quando gosto mesmo, não consigo ficar calada e acabo sempre por dizer à pessoa. Quer seja alguém que conheço, quer seja um desconhecido na rua. Já me aconteceu dizer a senhoras desconhecidas que adoro a mala, os calções, os brincos ou o corte de cabelo. E como as pessoas não estão habituadas a serem elogiadas, ficam sempre espantadas, mas ficam sempre felizes e com o sorriso na cara. Mas por outro lado, também já notei que as pessoas em geral andam muito fechadas e tristes. Não sei se por causa da crise se por outro motivo qualquer, mas é uma pena. andar de bem com a vida e distribuir sorrisos é tão melhor.
E por falar em elogio, aquela foto sua ali ao lado, gosto do sorriso e da túnica ou vestido, e vá, dos dos óculos também :)
Beijinhos e espero continuar a ter a sua visita no meu blog ;)
https://instagram.com/annabelle_madeira/

Maggie F. disse...

Obrigada Annabelle pelos elogios, o blog ainda está em arrumações!

Beijinho

Patrícia Teodoro disse...

Pois eu adooooro elogiar e fico tão contente quando vejo que o alguém faz de coração..assim como tu fizeste...podes ter a certeza que mudaste o dia a essa mãe. Beijinhos e oarabens por conseguires elogiar sem medos nem receios

VerdezOlhos disse...

Às vezes quando alguém nos elogia pensamos logo que não está a ser sincero ou que está só a querer ser simpático e infelizmente os elogios genuinos e verdadeiros já são tão raros que nos admiramos quando acontece. Eu também faço questão de dizer quando acho isso de alguém mas por vezes sinto que a pessoa elogiada fica tão na defensiva que acha que estou a fazê-lo para a agradar ou para receber um elogio de volta, não entendendo aquilo como simplesmente sincero e o que penso. Talvez seja por isso que não se elogia mais, como deveríamos. Cabe-nos a nós mudarmos isso. Eu vou tentando a minha parte e tu também por isso, é para continuar. A iniciativa faz a diferença :)
Beijinhos e bons elogios!

Ana Raquel disse...

Toda a razão!
Devemos elogiar mais...ainda ontem falei disso (não concretamente às pessoas no geral mas aos alunos em particular...nas reuniões só se fala do mau comportamento e das más notas e quase nunca se elogia os alunos bons e empenhados).