segunda-feira, junho 01, 2015

os portugueses adoram dizer mal de tudo, até do que não sabem!

Eu sei que há crise, que há desemprego, que as pessoas acham-se no direito de tudo e não têm nada. Já se sabe que o governo tem muita culpa por o país estar como está, e a oposição também. Já se sabe que o FMI e a Troika e UE, e tudo e tudo não ajudam, só nos entalam cada vez mais, sim é tudo verdade mas caramba ainda há coisas boas. Devemos agarrar-nos a isso, ás coisas boas que tornam os nossos dias melhores, mas em geral os portugueses adoram dizer mal. Hoje é a história das pulseiras da PSP.

Ora vamos lá ver:

- ninguém é obrigado a aderir a este projecto;
- é um projecto grátis e só por isso os pais deviam estar gratos;
- trata-se de uma pulseira para localizar crianças que se possam perder em praias, shoppings, passeios da escola, festivais de musica onde esteja muita gente, etc ...
- não apita se a criança se afastar 2 metros, também não apita se localizar um pedófilo a 10 metros, infelizmente também não pita se a criança se aproximar muito da água, pois mas também não é esse o objectivo; 
- a ideia é apenas a de localizar as crianças sem aceder directamente aos pais, que isso poderia levar a outras situações mais complicadas; 
- as crianças são para se manter sob vigilância sempre; 
- nem esta nem nenhuma outra pulseira afasta as crianças de perigos, sejam eles quais forem, infelizmente a grande maioria dos perigos estão dentro de casa não lá fora;
- também já li hoje que isto esconde outras coisas!? e então que coisas poderá esconder? a PSP ficar a saber quem somos, onde moramos, onde passamos férias?quantos filhos temos? não estou a ver perigo. Sou uma cidadã com os impostos em ordem, sou cidadã portuguesa não estou aqui clandestina, não ando fugida, as crianças são minhas, a casa também … enfim,  tudo serve para mandar abaixo.

Os portugueses são em geral pessoas tristes, ranzinzas, velhas, cinzentas e de mal com a vida !



Maggie

1 comentário:

Anónimo disse...

É uma boa iniciativa eu já adiro ás 2/3 anos, é especialmente útil quando eles não sabem dizer o nº de telefone dos pais e no meio da confusão do pânico se perdem e ficam assustados.