segunda-feira, agosto 03, 2015

Querida Maggie,e o que tens para o bebé que aí vem?

Pois não tenho nada, dei tudo eu sou umas mãos largas, ahahahahahaha. Mais a sério, tudo o que comprei de berço, cama de grades, cadeira de papa, espreguiçadeira, tapetes de actividades, banheira, biberons, marsúpio, chuchas, esterilizador, móvel para trocar fraldas, etc dei tudo. Usei da primeira para a segunda filha porque nunca chegava a desmontar as coisas, assim que deixava de dar para uma passava a dar para a outra mas depois acabou-se, dei a quem me pediu de boa vontade. E não estou arrependida, seriam demasiados anos a mofar lá num canto da garagem e depois se algum dia viesse a precisar metade das coisas já não estariam em condições, como aconteceu com amigas minhas. Até a roupa, escolhi um fatinho de cada uma que tenho guardado e pronto também não há roupa. Adiante, passaram 10 anos e muitas coisas mudaram, muitas coisas novas apareceram no mercado e eu ainda estou muito longe de comprar a primeira roupinha quanto mais pensar nas peças maiores, mas estou atenta ás tendências, e curiosa para saber o que vou encontrar lá mais para a frente.

Beijinho


Maggie

3 comentários:

Anónimo disse...

Eu estou grávida de 18 semana e também ainda não tenho absolutamente nada. De qualquer forma, hoje em dia e principalmente e nível de roupa conseguem-se coisas giras e a bom preço. O resto vai-se comprando. A verdade é que nem tudo é necessário logo que o bébé nasce.
Felicidade para o/a bébé.
Tânia

Ana Raquel disse...

Meteu a primeira?

Ahahah...o que me ri com o post. No início acontecia-me tanta vez este tipo de coisas... é normal!

um dia destes peguei num carro automático e andei às cabeçadas 2 min pois esqueci-me que só devia usar um pé. Lindo!

Nany disse...

Olha que aconteceu-me quase o mesmo. Tive de comprar algumas coisas. O berço ainda tinha porque a ideia era servir de cama sofá na outra casa da minha mãe. A cadeira de papa foi a da mana cor de rosa integral. Bjs