terça-feira, maio 16, 2017

isto quando se é esposa do presidente da Junta é assim ...

em ano de eleições e chegando o Verão é muita festarola, muito cortar de fitas, muito cumprimento... e depois ainda há os momentos mortos em que aguardo e anseio pela minha liberdade! Ser primeira dama não é só cabeleireiro, fazer unhas e ter a depilação em dia, há dias puxados.
Isto de estar retida em casa causa-me claustrofobia e nos dias de empregada ainda pior ... (nota-se no meu discurso, não nota? desculpem lá)

Até mais logo


Maggie

1 comentário:

Alex disse...

heheheh e viva a 1ª dama :)

Um momento de cada vez, cada um deles vividos sem estar a pensar no momento antes nem no que virá a seguir... as inspirações não ajudam a limpar e arrumar mas ajudam a descontrair :)))))))))

Beijinho