sexta-feira, junho 16, 2017

dos feriados, dos fins de semana e das férias com os filhos

Por estes dias, com tantos feriados e pontes pelo meio da semana tenho reparado nas muitas queixas de pais com falta de descanso, ... dos filhos. Porque os filhos cansam, claro que sim é mais fácil e leve ir trabalhar e deixar os miúdos entregues, almoçar em paz e não ter que carregar crianças ao colo que nos deixam os ombros babados e as blusas amachucadas. Também tenho reparado nas queixas de que os miúdos acabam com o romance. Bom eu não sou conselheira matrimonial nem faço mediação familiar, embora fosse uma área interessante, mas já há algum tempo que deixei a psicologia para trás (por algum tempo), mas posso partilhar como funcionam as coisas aqui em casa. Funcionam bem para nós, pode ser que alguma dica ajude alguma família a orientar-se melhor :

  1. Claro que as férias de papo para o ar acabaram, sejamos razoáveis ninguém está à espera de continuar a ter a mesma vida com uma criança pequena.
  2. Aceitar, é preciso aceitar e estar preparado para choros, birras de sono e de fome. É preciso antecipar os dramas dos bebés: levar umas bolachas o para entreter, eu tenho sempre umas pulseiras de metal na mala que o Manel adora e perde uns bons minutos a brincar com elas. Também gosta de garrafas de água (cada bebé com a sua mania)
  3. Dou sempre as refeições à hora certa, aqui funcionam bem as rotinas mas também tenho sorte porque o meu rapazinho come qualquer sopa e petisca bem quase tudo.
  4. Só depois de bebé almoçado e com a fralda mudada é que penso em sair para almoçar, e saio descansada da vida e almoço na paz dos anjos porque aproveito a sesta do Manel para ir almoçar fora. Sim aqui em casa vive-se e não se está à espera que o bebé acorde para fazer alguma coisa, saímos e ele faz a sesta onde for. Ontem por exemplo fez a sua sesta enquanto as irmãs andavam de patins lá para os lados do Guincho e da Quinta da Marinha. Ar puro, cheirinho a pinheiros, tão bom.
  5. Ah e o truque que ajuda a qualquer família feliz: em feriados, fins de semana e férias as refeições são feitas fora de casa. Não há cá mãe sacrificada a fazer faxinas, almoços e lanches para as praias e piscinas. Come-se em qualquer lado: hambúrgueres, saladas, frango assado, sushi, chinês, pão com chouriço e caldo verde (nas festas populares), pastas, omeletes com queijo, ... ajuda não ter que pensar em refeições. Se for preciso poupa-se noutras coisas mas nisto nem pensar, sou Mãe mas não sou a Escrava Isaura, e não tenho feitio para mártir.
  6. E por ultimo, praia é coisa que raramente fazemos porque olhar pelos miúdos e carregar com as tralhas todas é coisa que me doí só de olhar, sem falar nos dramas de arrumar o carro a km's e ter que ir a pé mais uns tantos, que eu bem vi ontem o drama que foi chegar à Marginal na zona de Carcavelos. Íamos para Oeiras para as miúdas andarem de patins mas virámos logo para a direita e seguimos para o Guincho. 
  7. Sítios cheios de gente também são de evitar, causam ainda mais stress. 
(quem tiver dicas que queira partilhar faça o favor, se resulta em alguma família pode resultar em mais famílias) 

Boas férias a quem já está de férias



Maggie


1 comentário:

marina maia disse...

Admiro-te tanto, transmites uma calma fantástica, que eu com a idade, penso, tenho perdido. Adoro ver as vossas fotos.
Férias estive esta semana em casa, sozinha a tentar descansar, o meu marido tinha um programa já anual, com uns amigos o filho ainda a trabalhar, eu aproveitei para descansar. Mas as grandes (15 dias) so a 14 de Agosto, mas essas vão ser diferentes, mal posso esperar!
Beijinho e sejam felizes
Ah o Manel está cada vez mais giro!!!