sexta-feira, agosto 17, 2018

os dias não passam

Na verdade passam mas parecem passar muito devagarinho. Deve ser da ansiedade, do imaginar lá tanta coisa para fazer e tratar, e nós ainda aqui, sem adiantar muito. Tudo o que é para ir está separado. É chata esta fase do ir organizando a ida mas ao mesmo tempo ter que manter a normalidade. A casa a funcionar como se não fossemos para lado nenhum. É uma seca. Não estamos num sitio nem estamos no outro. Já não apetece fazer grande coisa por cá! Por mim já lá estava ;)
Já se fez a festa de despedida dos amigos (delas), e continuamos com a casa cheia todos os dias. E quando não vêm para cá, vão elas para casas de amigos, jantar fora ou dormir. Nunca mais voltamos à escola e ao trabalho, estou a precisar de rotinas. Eu e eles. Estou a precisar de ver as coisas a encaixar. Tenho saudades da minha liberdade, sim que isto de ser mãe cansa. Aliás, cansa muito quando somos mães todos os dias e a toda a hora. 
Este ano o regresso ás aulas passa-me ao lado. Ainda hoje no Continente fui namorar o material escolar mas não trouxe nada, diz a pessoa da transportadora que já temos toneladas para mandar. Não posso colocar nem mais um lápis, hihihihi

Até logo



Maggie

Sem comentários: