terça-feira, outubro 16, 2018

não me chamo Alice nem não vivo na país das maravilhas

mas vivo num país de gente aberta e mais esperta. 
No sábado passámos numa feira/festa de Halloween de uma elementary school aqui na zona, (daqui a dois fins de semana haverá outro evento do género numa outra escola ainda mais perto de casa). Era um evento aberto a toda a comunidade, num sábado. Um evento divertido, para todas as idades e super bem organizado. Não sei bem qual seria o objetivo deste evento, onde pais, professores e alunos estavam unidos por brincadeiras, jogos, petiscos para comer, barraquinha de karaoke, barraquinha de algodão doce, labirintos feitos com fardos de palha e barraquinhas de ler a sina, ... Provavelmente seria para angariar dinheiro para a escola ou para alguma causa em especifico e se foi isso, foram bem sucedidos. Abrir a escola à comunidade é o mínimo a fazer quando a escola é do Estado e é de todos, quando queremos que os futuros pais conheçam a escola e os professores, e pensem um dia colocar lá os filhos. 
É preciso confiar na escola nem que para isso seja preciso abrir as portas. Se este evento tivesse sido organizado num dia de semana ás 17h e apenas para a comunidade escolar, como os eventos escolares que se fazem no meu país, o resultado monetário seria mínimo. Além de que seriam sempre eventos fechados, sempre muito apagados e sempre pequeninos. 
Quero acreditar que um dia será diferente, na verdade não há razão para minimizar as coisas bonitas que se podem fazer, e caramba trabalhar um sábado não é o fim do mundo!

No domingo falhámos o open day no quartel de bombeiros, que também segundo me disseram é bem giro: os carros são colocados cá fora, expostos à curiosidade de todos, e as crianças são convidadas a visitar o quartel e os carros. Há até um desfile destes carros de salvamento. Fica para a próxima, não faltarão oportunidades, Manuel, a mãe promete. 
( o Manuel adora carros de bombeiros, ambulancias e carros de policia)

Bom dia


Maggie

4 comentários:

Anónimo disse...

Por aqui, tb há muitas escolas que fazem atividades ao serão e ao sábado, com participação de professores, alunos, outros funcionários e famílias.
Sandra

Maggie F. disse...

Que bom Sandra, não sei de que zona é mas é bom saber que se faz. Abertas a quem quiser aparecer?
Eu desconheço que se façam coisas deste género na zona onde moro, em Lisboa.

Beijinho

mumdream disse...

Margarida, de cada vez que leio as suas descrições do local onde vive, dá-me vontade de vender tudo e mudar-me para a casa ao lado da sua (inveja da boa) ;). Mas neste caso, cá por Guimarães também há festas nas escolas aos fins-de-semana, abertas a toda a comunidade quando o objectivo é angariar dinheiro. E normalmente os bombeiros estão sempre prontos a mostrar as suas instalações e viaturas a toda a gente, não só aos domingos ;)
Neste caso, acho que não estamos em desvantagem :-)

Já noutros assuntos, o caso muda de figura.

Beijinhos e vá continuando a colocar fotos lindas no instagram, que eu cá roo-me de inveja por não poder viver num sitio assim…

Anónimo disse...

Saint julian school e várias públicas na no centro de oiras